ONLINE
10




Partilhe esta Página

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

D

S

C

S

S

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Poder público e Klabin na Escola Técnica Florestal
Poder público e Klabin na Escola Técnica Florestal

Visita se deu na 2ª Feira. FIQUE ATENTO, pois Inscrições ao PSS de contratação de professores se encerram nesta sexta (08). Aulas devem se iniciar em fevereiro do ano que vem

FONTE: KLABIN

s

2019-11-06 às 10:32:56) A Klabin e o poder público realizaram ontem (4/11) uma visita técnica às obras do Centro Estadual de Educação Profissional Florestal e Agrícola de Ortigueira (PR), primeira Escola Técnica de Operação Florestal do Brasil, anunciada em abril deste ano em uma parceria entre a Klabin, o governo do Estado do Paraná e a Prefeitura Municipal de Ortigueira. 

As obras de adequação da escola seguem avançadas e dentro do cronograma previsto. O início das atividades será no próximo ano letivo, em fevereiro de 2020, e o edital do processo seletivo simplificado (PSS) para a contratação de professores está aberto, com inscrições até a próxima sexta-feira, 8/11, às 17h. O cadastro deve ser feito diretamente no sistema PSS, da Secretaria da Educação do Paraná, no link: http://www.pss.pr.gov.br/.

Para Sueli Martins, chefe do Núcleo Regional de Educação, “chegar nesse momento de visita dos detalhes finais da obra representa a realização de um sonho. É um projeto que acreditamos desde o início, uma vez que como educadores, queremos que o nosso país cresça, e não é possível crescer sem construir pelo viés da educação”.

“É uma alegria inexplicável constatar o andamento das obras da escola técnica que estará a serviço de todo o Brasil. Temos desenvolvido diversas ações na cidade, mas o Centro de Educação Profissional Florestal e Agrícola será um dos grandes marcos desta gestão. Ortigueira será reconhecida no País não apenas pelo conhecimento da sua população, mas por ser a referência em sediar a primeira escola técnica deste tipo de ensino, que trará uma qualificação diferenciada e abrirá muitas portas de emprego na cidade e em todo o País”, afirmou Lourdes Banach, prefeita de Ortigueira.

“É um orgulho para a Klabin contribuir e fazer parte da idealização deste projeto. A escola técnica especialmente voltada para esse fim gerará benefícios para a comunidade, que passa a ter mais uma opção de formação profissional inédita e de alta qualidade, e para as empresas da região e do País, que poderão contar com essa mão de obra especializada”, explica Uilson Paiva, gerente de Responsabilidade Social e Relações com a Comunidade da Klabin.

Durante a visita também estiveram presentes o diretor-geral da Secretaria Estadual de Educação, Elisandro Frigo; o diretor presidente do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar), José Ferreira; e o coordenador de Gestão dos Núcleos Regionais, Claus Marchiori.

 

CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL FLORESTAL E AGRÍCOLA

A escola, com capacidade para 800 alunos, oferecerá inicialmente três cursos: técnico em Operações Florestais, técnico em Manutenção de Máquinas Pesadas e técnico em Agronegócio, que serão ofertados na modalidade Integral (concomitante com o ensino médio) e subsequente (quando o aluno já tem o ensino médio e faz apenas a formação técnica). Cerca de 300 vagas serão oferecidas em regime de internato e semi-internato, possibilitando o ingresso de estudantes de diferentes regiões do País.

 

SOBRE A KLABIN

A Klabin é a maior produtora e exportadora de papéis para embalagens do Brasil, líder nos mercados de embalagens de papelão ondulado e sacos industriais e única companhia do país a oferecer ao mercado uma solução em celuloses de fibra curta, fibra longa e fluff. Fundada em 1899, possui 18 unidades industriais no Brasil e uma na Argentina. Somente no Paraná, gera mais de 10 mil empregos (diretos e indiretos), em mais de 25 municípios próximos das operações da companhia, principalmente, na região dos Campos Gerais.

A empresa é pioneira na adoção do manejo florestal em forma de mosaico, que consiste na formação de florestas plantadas entremeadas a matas nativas preservadas, formando corredores ecológicos que auxiliam na manutenção da biodiversidade. A área florestal da companhia no Paraná compreende o total de 342 mil hectares, sendo 142 mil de mata nativa. A Klabin também mantém um Parque Ecológico, na Fazenda Monte Alegre, em Telêmaco Borba, para fins de pesquisa e conservação, atuando no acolhimento e reabilitação de animais silvestres vítimas de acidentes ou maus-tratos, auxiliando o trabalho de órgãos ambientais. Além de contribuir para a preservação da flora e fauna da região, inclusive de espécies ameaçadas de extinção.

Toda a gestão da empresa está orientada para o Desenvolvimento Sustentável. Na região dos Campos Gerais a Klabin desenvolve boa parte dos seus programas socioambientais, com destaque para “Matas Sociais - Planejando Propriedades Sustentáveis”, Matas Legais, Projeto de Resíduos Sólidos, Crescer Lendo, Programa Caiubi, Força Verde Mirim e Protetores Ambientais.

A companhia também aderiu aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, é signatária do Pacto Global e do Pacto Nacional para Erradicação do Trabalho Escravo, e busca fornecedores e parceiros que sigam os mesmos valores de ética, transparência e respeito aos princípios de sustentabilidade.

Saiba mais: www.klabin.com.br 

 

RELEMBRE O ATO DE LANÇAMENTO DA ESCOLA COM PRESENÇA DO GOVERNADOR. CLIQUE AQUI!

 

VEJA TAMBÉM:

ESCUTE O MINUTO KLABIN 53