ONLINE
5




Partilhe esta PŠgina

S

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

D

S

C

S

S

S  

D

 

a

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


PADRE PRIMO FALOU DO ALEGRA-TE DE TB
PADRE PRIMO FALOU DO ALEGRA-TE DE TB

Na quadra do Sesi os shows e na comunidade Nsra. Aparecida, do Socomim, os retiros

z

2020-02-16 às 11:49:04) O Alegra-te foi tema com o pároco Redentorista, padre Primo Aparecido Hipólito, da Paróquia Nossa Senhora de Fátima. Na coordenação de Demerson Ribas, e inserido no calendário oficial do município por lei aprovada por unanimidade na Câmara de vereadores, e sob iniciativa do vereador Marquinhos, o evento tem todo apoio da prefeitura municipal.

Primo lembrou que o governo do Tocantins, em Palmas, decretou que na capital, carnaval, somente cristão: “Eu estou falando cristão, e não católico. Com bandas católicas e evangélicas, todas”. O governo de lá, segundo Primo, está gastando menos da metade do que trazer os tradicionais shows: “Não estou dizendo nada de quem trás!”.  Sem venda de bebidas alcoólicas nestes locais, “e logo, não estão gastando com tratamento, com médicos, com saúde, com nada”, no que era, antes, concernente a isso. Neste momento ele agradeceu o governo municipal, o prefeito e vereadores, que pela aprovação da Lei reconhecendo o Alegra-te como evento incluso no Calendário Oficial, dá a possibilidade do município ajudar, “e ele tem ajudado”, dando ao Alegre-te, magnitude.

 

ALEGRA-TE, NO SESI E SOCOMIM: SHOWS, ADORAÇÃO E RETIROS

d

O pároco disse que Demerson Ribas sempre comenta com ele que tem que tornar este acontecimento, como o maior do Paraná na modalidade cristã, senão, o maior da região dos Campos Gerais. Este ano o Alegra-te tem como tema “Vem pra alegria, filho de Deus”.

Da presença junto com os jovens e adolescentes, Primo falou que quando está mais a frente, “é tão bonito ver o pai, a mãe, ou um parente, chegando, chegando com o jovem ‘oi padre, tudo bem... tudo bem, tudo legal! O fulano, o sicrano!’. Pessoas conhecidas, lógico, para acolher a todos!”.

Hipólito alerta também que terão guardas (vigilantes), e que não se tente entrar lá, na quadra do Sesi, com latinhas, referindo-se a bebidas alcoólicas. “Se você quer ser evangelizado, quer participar... você vai participar! Mas sem bebidas você vai lá. Nem tubão, nem tubinho, nem camelinho, nem nada! Não vai entrar com isso lá. Vão ter vendas de refrigerantes!”.

Quanto ao local, disse: “Aliás, Deus abençoe todos aqueles que coordenam o Sesi, todos aqueles que deram essa mão, aí, para mais uma vez, o nosso Alegra-te”.

NO SOCOMIM: A programação segue também, com retiros em todos os dias, e na comunidade do Socomim, Nossa Senhora Aparecida. “Sábado à tarde, domingo pela manhã, então, neste caso, a missa no dia 23 vai ser às 11 horas da manhã”. Na segunda-feira também a tarde, e no dia do carnaval, o dia todo. Haverá também, como forma de ajudar a comunidade, e aos participantes, a venda de almoço e lanches.

 

PRESENÇA DO BISPO NA ABERTURA DO ALEGRA-TE

Outro fato que alegrou bastante a Primo, foi mais uma vez, a presença do bispo diocesano, D. Sérgio Arthur Braschi, no Hall da Prefeitura. Ele, que inclusive, no dia oficial do carnaval, estará reunido, juntamente com os bispos de todo Paraná, com o papa Francisco, e tentará falar ao Papa, que naquele dia, também acontece o Alegra-te em Telêmaco Borba.

O pároco aproveitou para lembrar o relacionamento com a administração pública, que é necessário, e jamais passa por politicagem, e que assim como é com Dr. Márcio, poderia ser com qualquer outro prefeito, lembrando inclusive o momento em que o próprio Márcio disse: “’Olha hoje nós estamos ajudando, e eu espero que os próximos prefeitos’... o que ele está dizendo: que pode ser ele e pode não ser ele”.  Isso não o isentou de poder agradecer sobremaneira, todo esforço do prefeito Márcio nesta causa.

 

CONSCIENTIZAÇÃO PARA MENOS PALAVRÕES

s

Este site aproveitou da oportunidade e da atenção deste religioso, para uma outra abordagem.

O Edivaldo Oberek que aqui escreve, em sua rede social, postou um alerta aos adolescentes, especialmente estudantes, para que se foquem em falar menos palavrões nas ruas ou até mesmo, nas escolas e colégios. Foi solicitado do padre, uma palavra a esse respeito: “A criança ela fala, ela reproduz depois, ela vai formando a sua consciência, a partir daquilo que ela houve”. Disse que então quando um adolescente ou um jovem, ou um adulto, ou um pai ou uma mãe, falam palavrão, “que não o inconstitucionalissimamente”, passam a reproduzir, e muitos, nem sabem ainda, o significado disto, “mas muitos sabem o sentido, e isso machuca!”. O Alegra-te acaba ajudando até mesmo nesta direção, quando foi falado no tema acima, e também, por exemplo, de músicas de depreciam as próprias mulheres, ou meninas, pois estamos numa época “de falta de sentido!”, e há neste evento, um recolhimento e auto-reflexão de si mesmo.

 

CONFIRA NA SEQUÊNCIA DE MATÉRIAS INTERCALADAS, COMO O

OBEREKANDO NOTICIOU O ALEGRA-TE 

2019

2018

2017

 

DOM SÉRGIO EM 2019 E EM 2020 NA ABERTURA OFICIAL DO ALEGRA-TE