ONLINE
9




Partilhe esta Página

S

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

D

S

C

S

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


TB aguarda licitação para implantar SAMU
TB aguarda licitação para implantar SAMU

Dr. Ede esteve em reunião em Ponta Grossa

FONTES: PMTB E WWW.PONTAGROSSA.PR.GOV.BR

sd

2019-09-11 às 08:43:51) O secretário municipal de Saúde, Dr. Ede Pukanski, representou o prefeito de Telêmaco Borba, Dr. Marcio Matos, em reunião em Ponta Grossa, na última quarta-feira, 4 de setembro, com o presidente do Consórcio Intermunicipal do SAMU (CimSamu), o prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel.

De acordo com Dr. Ede, a reunião marcou a assinatura do processo de licitação, por meio de pregão eletrônico, para contratação da empresa que irá gerir a equipe técnica do Samu Regional.

“Telêmaco Borba há algum tempo vem se preparando para a implantação do SAMU, tendo o total respaldo do prefeito Dr. Marcio. A estrutura física já possuímos junto a UPA – Unidade de Pronto Atendimento. Sabemos que com o funcionamento deste serviço teremos condições de prestar um grande trabalho nos atendimentos emergenciais em nossa cidade e na região”, afirmou o secretário Pukanski. 

O pregão eletrônico terá o valor de R$ 30 milhões e está marcado para o dia 19 de setembro.

A empresa vencedora tem prazo de 15 dias para iniciar as atividades. O Consórcio será a ponte entre os municípios e a empresa.   “Este passo significa modernização, e já é adotado em todo pais, agora estamos oferecendo uma estrutura melhor para os Campos Gerais, melhorando o atendimento em todos os lugares, até nos menores e mais distantes. Tendo um SAMU mais eficiente, teremos uma distribuição melhor dos atendimentos, refletindo na resolução dos serviços, beneficia toda a população”, declara Rangel.

O consórcio vem trabalhando e desempenhando suas funções há um ano. Hoje 28 municípios fazem parte deste projeto nos Campos Gerais. Atualmente 14 cidades, entre elas Telêmaco Borba, já estão consorciadas. As demais são: Castro, Arapoti, Curiúva, Imbaú, Irati, Ivaí, Jaguariaíva, Ortigueira, Piraí do Sul, Ponta Grossa, Reserva, São João do Triunfo e Tibagi. Tão logo ocorra a licitação, a empresa vencedora tem prazo de 15 dias para iniciar as atividades e o Samu entre em operação.

“Essas cidades são as que receberam as ambulâncias do Ministério da Saúde e estão prontas para começar a rodar e realizar os atendimentos”, explica a diretora contábil e financeira do CimSamu, Angélica Cristina Pereira da Luz. Cerca de um milhão de habitantes serão atendidos.

Também participou da reunião o diretor da 21ª Regional de Saúde de Telêmaco Borba, Cleverton Soares e o prefeito de Imbaú, Lauir de Oliveira.

 

SOBRE O CIMSAMU

O CimSamu é um consórcio para atender a necessidade de urgência e emergência e incluir os municípios pequenos e afastados no atendimento. Muitas vezes, as regiões menores não têm condições de manter uma ambulância ou um serviço de atendimento de uma rede regional no seu município, devido ao custo e a Central de Regulação. Os municípios menores ou mais afastados, agora, passam a ser atendidos pela ambulância do município mais próximo, conforme determinação da central.

“A sede da Central de Regulação é em Ponta Grossa, ela quem faz o encaminhamento das ambulâncias para aos hospitais, seja especialidade ou não, ela faz o direcionamento do atendimento do paciente por ambulância básica ou avança, com o médico”, comenta Angélica.

Cada município, com ambulância, terá uma base, para que a equipe técnica de atendimento à população fique acomodada 24h interruptas. As unidades de suporte básico contarão com enfermeiro, técnico de enfermagem e motorista. E o suporte avançado com médico enfermeiro e motorista socorrista. A determinação do tamanho da frota é determinada pelo ministério da saúde.

 

O QUE É O SAMU

O SAMU é o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, que atende os casos de urgência e emergência, financiado pelo Governo Federal, Estadual e Municipais, com a finalidade de melhorar o atendimento à população. Foi criado em 2003 e faz parte do Política Nacional de Urgências e Emergências.

O serviço SAMU 192 presta socorro a população nas residências, locais de trabalho e vias públicas. A equipe é composta por condutores-socorristas, técnicos em enfermagem, enfermeiros e médicos, todos capacitados em atendimento de urgência de natureza traumática, clínica, pediátrica, obstétricas e psiquiátricas.

É responsável pela regulação de todos os atendimentos de urgência via telefone 192, pelos atendimentos móveis que dispensam as viaturas e pelas transferências de pacientes aos hospitais.

Dr. Ede Pukanski, secretário de Saúde de Telêmaco Borba, juntamente com com o presidente do Consórcio Intermunicipal do SAMU (CimSamu), o prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel, o diretor da 21ª Reginal de Saúde, Cleverton Soares, e o prefeito de Imbaú, Lauir de Oliveira, na reunião que tratou da implantação do SAMU.