ONLINE
12




Partilhe esta Página

S

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

D

S

C

S

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Socomin terá o Centro Paradesportivo
Socomin terá o Centro Paradesportivo

Quadra será referência à prática de esporte adaptado

FONTE: PMTB

sd

2019-09-05 às 07:24:11) Telêmaco Borba finalmente terá um local para a prática de esportes adaptado para a atender aos anseios das pessoas com deficiência.

A informação foi anunciada pelo prefeito Dr. Marcio Matos na tarde desta quarta-feira, 4 de setembro, no Paço das Araucárias, aos representantes da ADIDEF-TB – Associação dos Direitos dos Deficientes de Telêmaco Borba, Luiz Adriano Marcoski e James Siqueira.

Participaram do encontro os secretários municipais, Carlos Roberto Ramos (de Cultura, Esportes e Recreação), Nando Matos (Gabinete) e o presidente da Câmara Municipal, vereador Ezequiel Ligoski Betim.

Dr. Marcio explicou que a quadra passará a ser um Centro Paradesportivo. “É uma conquista muito importante para as pessoas com deficiência. Nosso objetivo como administradores de Telêmaco Borba é atender a população de modo geral, e a inclusão é um dos princípios fundamentais”, ressaltou o prefeito.

Segundo o secretário geral de Gabinete, Nando Matos, que participou da reunião a quadra de esportes está em estado degradável e o projeto da administração é transformar totalmente este espaço em um Centro Paradesportivo, o processo faz parte de um programa de construção e revitalização das praças esportivas de Telêmaco Borba.

A obra já teve início, explica Nando, e o espaço esportivo será aberto para utilização de todos em comum, contudo terá adaptações específicas para as pessoas com deficiência.

É uma obra estimada em R$ 292 mil que faz parte do Programa de Investimentos “Pra Frente Telêmaco” que aplicará o valor de R$ 50 milhões na infraestrutura social e urbana no município.

Os representantes da ADIDEF-TB parabenizaram a iniciativa da administração do prefeito Dr. Marcio Matos por atenderem os anseios dos deficientes em Telêmaco Borba.

 “Será um privilégio ter um centro específico para nós deficientes e assim poderemos promover eventos locais e até mesmo com a participação de outros municípios”, completaram Adriano e James.

  

ASSISTA O VÍDEO COM A MAQUETE ELETRÔNICA