ONLINE
9




Partilhe esta Página

ACITEL

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

D

S

C

S

S

AWEF

X

S 

D

W


Sandro Alex: Rodovias e Colégios Cívico-Militares
Sandro Alex: Rodovias e Colégios Cívico-Militares

Secretário de Estado e deputado concedeu coletiva com essas pautas, em Telêmaco

s

2020-10-29 às 22:52:37) O deputado federal e secretário de Infraestrutura e Logística do Sandro Alex participou de vistorias nas estradas da região de Telêmaco Borba. Ao final da tarde, ele concedeu uma entrevista coletiva no Salão Nobre da Acitel, Associação Comercial e Empresarial local.

Ele comentou da necessidade de obras como, por exemplo, ampliação de capacidade, terceiras faixas, entre outras, que vão melhorar o tráfego dos motoristas dando mais segurança nas estradas, e que devem começar ainda este ano, como é o caso do trecho Telêmaco Borba Imbaú. Outra a ser beneficiada será a ligação de Telêmaco a Curiúva, ambas com melhorias e uma grande extensão de terceiras faixas. Telêmaco Tibagi foi mais um anúncio, bem como, mais um avanço na Imbaú a Reserva, que ultrapassou a fase de projeto.

Mesmo sendo da área de Segurança Pública e ligada também a Educação, e hoje sendo encerrada às 20 horas, a consulta pública, ao lado da chefe do Núcleo Regional de Educação, professora Sueli Martins, ele disse das 5 escolas cívicos-militares que a Capital do Papel vai receber: Os colégios Militão, Custódio Netto, São Pedro, Presidente Vargas e Marcelino Nogueira!

Apenas Londrina, das cidades paranaenses interioranas, é a que receberá um maior número destas instituições – seis, em relação à Telêmaco Borba, com cinco. Dentro do NRE de TB, ainda serão beneficiadas Curiúva, com o Colégio José de Alencar, e Reserva, com o Colégio Gregório Szeremeta, que serão transformados em Cívico-Militar. Ao lado de Sueli, Alex comemorou o salto ao terceiro lugar do Paraná, no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica.

A parceria com a Klabin, que bancará grande parte das obras na área de sua abrangência, e depois será descontado nos impostos a serem pagos, foi elogiada. Ele ressaltou as 10 UTI´s também, liberadas com emenda dele, como deputado federal, ao Instituto Dr. Feitosa (IDF).

Na ocasião, dentre as perguntas dos comunicadores, a possibilidade de um segundo viaduto entre o atual e a Vila Osório, e também, por ele colocado, uma conversa este poderá ter para propor às autoridades em Telêmaco de que o IML seja construído próximo do Hospital Regional, pois o maior problema quando se fala de Instituto Médico Legal, o terreno é por menor, em detrimento da contração dos profissionais médicos. E neste caso, poderia haver uma parceria Regional x IML.

Ele disse também quanto a concessão das rodovias paranaenses, de que esta história vai mudar em 2021, com um novo modelo e o lançamento dessas, na Bolsa de Valores, aonde, valores justos e investimentos deverão ser a nova realidade.

 

DEMORA NAS LIBERAÇÕES DOS PARES SIGAS E SEMÁFORO ENTRE SOCOMIM E VILA OSÓRIO

Questionado pelo Oberekando, Alex respondeu que levará ao DER, e ou a quem de direito, a possibilidade de intervalos mais breves, no sistema Pare Siga nas rodovias, e especialmente, nas obras que ele anunciou. Outra situação, que ao final das tardes, mostra-se caótica, e que foi muito pedida por vereadores e populares, é uma solução para o cruzamento da rodovia, entre o Socomim e Vila Osório, com a possível instalação de um semáforo.

LEIA TAMBÉM:

Paraná terá 215 colégios cívico-militares, maior programa do Brasil

--

D