ONLINE
11




Partilhe esta Página

S

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

D

S

s  

D

 

MDA

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS

x

s


PADRE PRIMO DESTACA O ALEGRA-TE
PADRE PRIMO DESTACA O ALEGRA-TE

Carnaval Cristão se dividirá entre o Sesi e a Comunidade NSra Aparecida no Socomim

 d

2019-02-26 às 13:43:39) O Alegra-te 2019 tem abertura oficial às 19:30 desta quinta-feira, com a missa solene do Santíssimo com o bispo diocesano, D. Sérgio Arthur Braschi, na matriz Redentorista Nossa Senhora de Fátima. Na ocasião, o bispo deverá ter fazer uma visita ao prefeito Márcio. Evento já incluso no calendário oficial de Telêmaco Borba, conta com a união das duas paróquias da cidade: Tanto a Nossa Senhora de Fátima, como a São Pedro e São Paulo. Mais detalhes a seguir com o pároco padre Primo Aparecido Hipólito.

 

EVENTO DIVIDIDO EM DOIS LOCAIS

s

--

d

Primo expressou sua satisfação em saber que a Prefeitura dá um grande apoio ao Carnaval Cristão: “Não serão um ou dois dias. Serão quatro dias de intensa oração. Serão dois locais com eventos diferentes”. Um local para os shows, neste caso no Sesi, Neste, também no domingo, matiné com Circo de Evangelização, de Ponta Grossa, às 15 horas. Os shows, sempre a partir das 20 horas, no Sábado (2), Domingo (3), Segunda (4) e terça-feira (5).

A Comunidade Nossa Senhora Aparecida, no Socomim, abrigará os retiros, marcados “para todos os dias, mas não para todo o tempo”, epigrafou o pároco. Aviso importante, cabe lembrar a comunidade de que a missa das 08:30 acontecerá ao final da atividade, no domingo, por volta das 11 ou 12 horas.

No SÁBADO, das 13 às 18 horas, sendo a missa às 17:30, DOMINGO: Período da Manhã. SEGUNDA-FEIRA: Das 13 às 17 horas, com missa, as 17 horas. TERÇA-FEIRA: O Dia todo, das 08 às 16 horas. O serviço de cozinha da comunidade estará aberto nesse período, para lanches.

Busca-se fazer do Alegra-te, o maior Carnaval Cristão da região, com crescimento de tal forma a transformar-se nesse sentido, no maior do Paraná, e porque não, até do Brasil, explicou.

Um alerta que ele faz, é que estarão à disposição nesse período, nos eventos, apenas refrigerantes e sucos, e que a cada dia, as dioceses incentivam que suas festas não tenham bebidas além disso: “O Alegra-te, de 02 à 05, tanto nos shows, tanto nos retiros, é para oferecer um tempo de oração, evangelização, amor, carinho, e de encontros. Estamos fazendo o máximo possível!”. O padre agradeceu ao Sesi que está cedendo o local, e aos serviços da Prefeitura, e no geral, com tantos voluntários, grupos, aos jovens da Paróquia NSra. De Fátima e São Pedro e São Paulo, ao padre Silvio e diáconos: “Todos estamos nessa luta para evangelizar, e evangelizar cada vez melhor!”.

A respeito de um calendário de eventos no campo espiritual, disponibilizado pela Prefeitura, Primo falou que o diálogo inter-religioso é necessário, e vê como muito positivo: “Nós não podemos ficar de forma nenhuma brigando ou discutindo, por causa disso ou daquilo”, remetendo-se ao que quando estudava Teologia no seminário: Professores pediam que se dialogasse, e não se discutissem doutrina. O corpo doutrinal de uma igreja será diferente da outra, apesar de ser a pessoa de Jesus Cristo, Deus Santo e a Trindade sempre, mas expressada de formas diferentes. Concluiu que não é por esse fato que se vai ficar digladiando-se, mas sim se deve evangelizar, juntos.

 

CAMPANHA DA FRATERNIDADE

Outro momento no bate-papo com Hipólito foi referente à Campanha da Fraternidade, com o tema “Fraternidade e Políticas Públicas”, e o lema “Serás libertado pelo direito e pela justiça” (Is 1, 27)”. Nesta oportunidade será trazido pela Igreja temas como Meio Ambiente, por exemplo, que serão provocados, mas no sentido de “colocados à mesa para discussão”.  Na preparação da Diocese para a CF, alguns já participaram, como foi o caso do vereador Marquinhos (Antônio Marco de Almeida), que faz parte, na Renovação Carismática, do Ministério de Fé e Política. Ele, que aliás, foi o autor da Lei que aprovou o Alegra-te no calendário oficial, e essa atitude que o pároco fez questão de agradecer a cada um dos 13 vereadores.

“Quando se fala em políticas públicas, a gente só deixa por conta do vereador, prefeito, deputado! Não! Nós temos que participar!”. Ele citou, por exemplo, a baixíssima participação da população nas audiências públicas e nas prestações de contas.  O grande problema é que toda vez que se fala em política, geralmente, remete-se tão somente à partidária.

 

PRESENÇA DA MÃE E LEMBRANÇAS DA INFÂNCIA

O padre tem a presença de sua mãe com ele nesses dias. Dona Emília Marcello fará, no dia 23 de julho, 85 anos. O pai faleceu fazem três anos. Das estripulias de criança, citou parriu, de que vinha machucado, corria atrás de bezerro, gostava muito de lidar com os leitõezinhos. Como foram muitas histórias do aprender a andar de bicicleta, disparando com ela e só assim aprendendo, com ele não foi diferente: Um irmão, César, que é padre hoje, e o primo dele, chamado Olímpio, ficavam segurando a garupeira para ele se equilibrar! E um dia eles empurraram, e como o freio era no contrapedal e ele não conseguiu parar, - por sorte a porteira estava aberta -, e ele parou, mas dentro de uma moita de eucalipto!

D

Ao final, antes de uma bênção especial aos internautas que seguem esta entrevista, o pároco lembrou que a entrada nos shows será um quilo de alimento não perecível. Ele também clamou a que se busque cada vez mais tranquilidade, mais paz, e relembrando tantas mortes na comunidade, seja de menores, ou mesmo de forma natural, deixou seu desejo de descanso em paz, e pêsames às famílias enlutadas.

Conclamou a todos que venham participar, e agradeceu à Prefeitura Municipal, aos colaboradores, às empresas, e aos meios de comunicação: “Não tenho como agradecer, essas graças! Que todos esses momentos sejam, de fato, a construção da graça de Deus, em nós!”.