ONLINE
12




Partilhe esta Página

ACITEL

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

D

S

C

S

S

AWEF

X

S 

D

W


Klabin na criação da Central de Cooperativas no Pr
Klabin na criação da Central de Cooperativas no Pr

Formada por 5 cooperativas e quase 900 associados, em 34 municípios, conta com apoio da empresa

FONTE: KLABIN

2021-10-06 às 09:05:11) Aumentar a competitividade das cooperativas e dos agricultores familiares que, sozinhos, possuem pouca força para entrar no mercado, foi o propósito que motivou a Klabin a apoiar a criação da Central de Cooperativas da Agricultura Familiar Centro Norte do Paraná. O grupo é formado por cinco cooperativas parceiras do programa Matas Sociais e quase 900 associados, de 34 municípios paranaenses, todos atendidos pela iniciativa.

A entidade foi constituída no fim de agosto, em reunião realizada no município de Telêmaco Borba (PR), com a presença de representantes da Federação de Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária do Estado do Paraná (FECAFES). O intuito da criação de uma Central é a união para fortalecer a produção e comercialização de alimentos, buscando novos mercados, preços competitivos, troca de experiências e otimização de serviços. A gestão é compartilhada entre as cooperativas participantes, que tomam decisões para ampliar a presença dos produtores locais no mercado.

Fazem parte da nova Central a Cooperativa de Agricultores Familiares de Cândido de Abreu (Copercandi), Cooperativa da Agricultura Familiar de São Jerônimo da Serra (COOAF), Cooperativa de Apicultores e Meliponicultores Caminhos do Tibagi (Coocat-Mel), Cooperativa de Processamento Alimentar e Agricultura Familiar Solidária de Sapopema (Copasol) e Cooperativa Agropecuária Reservense (COPAR-R). Outras integram a discussão conjunta, como a Cooperosas, de Ortigueira, em processo de criação. Além das cooperativas, associações de agricultores também fazem parte da estratégia de atuação conjunta para discutir os arranjos produtivos da região, como a Associação de Moradores e Produtores do Cerrado Grande (AMPRCG), de Tibagi, e a Associação de Produtores Rurais de Campinas Belas (APROCAM), de Reserva.

A iniciativa potencializa o alcance do programa Matas Sociais – Planejando Propriedades Sustentáveis, realizado pela Klabin desde 2015, que atende mais de 600 propriedades rurais de 11 municípios da região, além de associações e cooperativas de agricultura familiar. Com a parceria do Sebrae e da Apremavi  e apoio das prefeituras municipais, o programa auxilia pequenos e médios produtores rurais nas etapas de produção, desde a adequação ambiental ao apoio à comercialização de alimentos nos mercados locais, passando por ações de formação, diversificação da propriedade e incentivo ao associativismo e cooperativismo.

“A Central permitirá aos agricultores familiares maior potencial competitivo e ampliação dos canais de comercialização. São cooperativas com distintas origens e realidades, no entanto, solidárias, com necessidades comuns que permeiam a estruturação de um mercado sólido para ampliar as possibilidades de mercado”, frisa Regiane Aparecida Moura da Silva, presidente da COOAF, eleita presidente da Central.

A agenda prevê uma série de atividades, começando por estruturar o plano de negócios e de viabilidade da Central, em parceria com o Sebrae, além da estruturação da sede, em Telêmaco Borba, e articulação com diferentes instituições para a definição de agendas em comum.

“Ações como essas fazem parte da Política de Sustentabilidade da Klabin, que visa contribuir com o desenvolvimento regional dos municípios onde atuamos de maneira sustentável. A criação da Central com o apoio do Matas Sociais representa um importante marco do trabalho conjunto com os produtores e suas cooperativas para ajudá-los a se desenvolverem e alcançarem maior produtividade e sustentabilidade”, afirma Uilson Paiva, gerente de Responsabilidade Social e Relações com a Comunidade da Klabin.

 

SOBRE O MATAS SOCIAIS

Iniciado em maio de 2015, o programa “Matas Sociais – Planejando Propriedades Sustentáveis”, promovido pela Klabin no Paraná, incentiva a agricultura familiar e auxilia pequenos produtores rurais dos municípios de Ortigueira, Imbaú, Telêmaco Borba e Reserva em todas as etapas de produção, desde a obtenção do Cadastro Ambiental Rural (CAR) até a comercialização da produção nos mercados locais, passando pela diversificação da propriedade e incentivo ao associativismo/cooperativismo. Em 2020, o Matas Sociais também se expandiu para Santa Catarina, para contribuir com o fortalecimento da agricultura familiar, iniciando as ações no município de Otacílio Costa. O lançamento ocorreu em um seminário que contou com a participação de agricultores da Serra Catarinense, parceiros e apoiadores. Ações de incentivo à produção foram conduzidas, incluindo o apoio à comercialização de hortifrúti no sistema de delivery, que começou a operar no mês de dezembro. Este ano, a iniciativa chegou aos municípios de Lages e Correia Pinto. A expectativa é que pelo menos 60 propriedades sejam atendidas na região.

As ações do programa continuarão visando o desenvolvimento local e das comunidades em 2021, incluindo a expansão para outros municípios do Paraná e Santa Catarina.

 

SOBRE A KLABIN

A Klabin é a maior produtora e exportadora de papéis para embalagens do Brasil, única Companhia do país a oferecer ao mercado uma solução em celuloses de fibra curta, fibra longa e fluff, e líder nos mercados de embalagens de papelão ondulado e sacos industriais. Fundada em 1899, possui 23 unidades industriais no Brasil e uma na Argentina. Somente no Paraná, gera mais de 10 mil empregos (diretos e indiretos), em mais de 25 municípios próximos das operações da Companhia, principalmente, na região dos Campos Gerais.

A empresa é pioneira na adoção do manejo florestal em forma de mosaico, que consiste na formação de florestas plantadas entremeadas a matas nativas preservadas, formando corredores ecológicos que auxiliam na manutenção da biodiversidade. A área florestal da Companhia no Paraná compreende o total de 342 mil hectares, sendo 142 mil de mata nativa. A Klabin também mantém um Parque Ecológico, na Fazenda Monte Alegre, em Telêmaco Borba, para fins de pesquisa e conservação, atuando no acolhimento e reabilitação de animais silvestres vítimas de acidentes ou maus-tratos, auxiliando o trabalho de órgãos ambientais. Além de contribuir para a preservação da flora e fauna da região, inclusive de espécies ameaçadas de extinção.

Toda a gestão da empresa está orientada para o Desenvolvimento Sustentável. Na região dos Campos Gerais a Klabin desenvolve boa parte dos seus programas socioambientais, com destaque para “Matas Sociais - Planejando Propriedades Sustentáveis”, Matas Legais, Projeto de Resíduos Sólidos, Programa Caiubi, Força Verde Mirim e Protetores Ambientais.

A Klabin integra, desde 2014, o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), da B3, e em 2020 passou a integrar o Índice Dow Jones de Sustentabilidade, com participação em duas carteiras: Índice Mundial e Índice Mercados Emergentes. Também é signatária do Pacto Global da ONU e do Pacto Nacional para Erradicação do Trabalho Escravo, buscando fornecedores e parceiros de negócio que sigam os mesmos valores de ética, transparência e respeito aos princípios de sustentabilidade.

 

LEIA TAMBÉM:

MINUTO KLABIN TERMINAL FERROVIÁRIO DE CONTÊINERES

Klabin lança cursos técnicos gratuitos. Ofertas são Eletromecânica e Celulose & Papel, no Paraná

KLABIN: Iniciadas as operações em Terminal Ferroviário de Contêineres no PR

MINUTO KLABIN 92

KLABIN DÁ PARTIDA NO PROJETO PUMA II COM O INÍCIO DE PRODUÇÃO NA MÁQUINA DE PAPEL 27, EM ORTIGUEIRA 

SEMEANDO EDUCAÇÃO DA KLABIN, NESTE DIA 06: Live trará atual cenário desafiador e premiação das iniciativas dos docentes.

Live Klabin Semeando Educação foi sucesso. Mais de 2.500 pessoas na homenagem ao Dia dos Professores

Klabin e vencedores do 1° Concurso Boas Práticas. Iniciativa do Programa Klabin Semeando Educação

MINUTO KLABIN: ANIVERSÁRIO DE 122 ANOS!

KLABIN E DOAÇÃO DE MEDICAMENTOS PARA INTUBAÇÃO. Ela se junta a outras empresas na aquisição de 3,4 milhões em insumos vindos da China

KLABIN DOA MAIS 9 RESPIRADORES COM MONITORES. Beneficiadas são as cidades dos Campos Gerais 

--

D