ONLINE
9




Partilhe esta Página

S

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

D

S

C

S

S

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


DIA DOS PAIS, DIA DOS PRESIDENTES DOS MORADORES

A saudação a Anibal Ferraz, como exemplo dos lutadores, que gratuitamente, querem o bem de suas comunidades

s

2019-08-11 às 09:27:15) No Dia dos Pais, um olhar do Oberekando aos presidentes de Associações de Moradores. Guerreiros, deixam o conforto de seus lares e de sua família, para, de forma gratuita e voluntária, dedicar-se por pessoas que por vezes, nunca viram antes! Quantos, as vezes, desaforos, dores de cabeça, mas tudo isso é superado, em pro de algo maior: o bem-estar das comunidades onde eles residem!

Nosso carinho também, aquelas mães, que são mulheres guerreiras e que, sozinhas, seja por separação ou viuvez, são as mães-pais, e neste caso, estendemos aqui, os agradecimentos às mulheres, que são presidentes de associações!

O entrevistado, representando a todos, é o ex-presidente das Cem Casas, Anibal Ferraz de Oliveira. 79 anos e meio, nascido em 04 de fevereiro de 1940.

“Pra mim é um prazer falar desse voluntariado, porque eu trabalhei 28 anos na fábrica (Klabin). Entrei com 17 anos de idade, com autorização do juiz de Direito, de Tibagi, na época, isso foi em 57”.

No dia 17 de abril de 1958 passou a morar nas Cem Casas, “que uma grande parte dos moradores não sabe, mas era Núcleo JK (Juscelino Kubistchek) Cem Casas”.  Nessa data ele veio com familiares, de Itararé, primeira cidade no Estado de São Paulo, que faz divisa com a paranaense, Sengés, para residir ao lado hoje, de onde fica a igreja católica, na Rua Colombo. Ele perdeu a mãe, fazem nove meses.

 

COMO CHEGOU NA PRESIDÊNCIA DA ASSOCIAÇÃO?

“Eu tirei os meus direitos, e aposentei e não tinha como ficar parado, né! Eu era novo, 44 anos, então eu passei a servir a comunidade como presidente da Associação de Moradores, por quatro gestões, próximo a dez anos, e junto com a coordenação da CPC da igreja da comunidade”. A ligação com o prefeito na época, Carlos Hugo Wolff Von Graffen era muito boa e direta, “e então a gente conseguiu muita coisa devido a essa amizade, inclusive a gente participava de um mesmo partido, então teve uma época muito boa de reivindicar as coisas para a comunidade”.

 

SÉRGIO, DO ARENA E SONIC, AMIGO DE LONGA DATA, COM A FILHA, E GIOVANE

Para que a entrevista fosse possível, Sérgio Adriane Lopes, conhecido como Gaúcho, fez uma pausa na equipe que treinava: O Oberekando é muito grato, pela compreensão. Ele estava com a filha Lorena Gabriely Bueno Lopes que o acompanha nesta empreitada de voluntariado no Projeto Arena e Sonic. Convidado a fazer uma saudação ao homenageado, disse: “Deixar um abraço para esse homem aqui, que é um marco do futebol. E ele sabe disso! Isso aqui tudo quase existe, por causa do que ele fez aqui! Ele tem história aqui, e não só aqui, como no futebol de Telêmaco, e ele sabe!”. Anibal retribuiu: “Eu fico feliz de ver esse cara aqui, e ainda mais, por ver ele um super pai! Uniu-se ao centro da quadra, Giovane Ferraz, o filho caçula, que seguindo os passos do pai, é o atual presidente da Associação de Moradores. Ele também fez uma saudação a Anibal, especialmente por dar-lhe a vida e fazê-lo uma pessoa honrada e de bem.

 

APOSTE E SINDICATO DO PAPEL

Nosso entrevistado foi voluntário na diretoria da Aposte por 20 anos: “Agora, dois anos, eu parei um pouco, para cuidar de mim! Eu me aposentei em janeiro de 1984 e todo esse tempo a gente se colocou a serviço da comunidade, da associação de aposentados, e da Igreja. É um voluntariado que é bom para gente, mas que a gente tem que ter um tempo para manter a máquina também!”. Diretor do Sindicato do Papel, foi da época de Silvestre Solak.

 

FILHOS E FAMÍLIA, E AS MARIAS!

d

Janete Ferraz de Oliveira é a filha mais velha: “Trabalhou no conselho tutelar, e era goleira de handebol. Uma senhora goleira! Ela foi convidada até para a seleção do Paraná”.

A Jane Ferraz de Oliveira, é mais uma filha: “As 4 e meia (16 e 30 de ontem, sábado) ela deve estar chegando, comer um bolinho lá (na casa do pai)! E o meu caçula, Giovani Ferraz de Oliveira. Ele de 67, a Jane de 64 e a Janete de 61!”.

Avô de 10 netos, tem a Alice, como primeira bisneta. Ele teve um casamento de 50 anos, em 2010, sua primeira esposa faleceu vítima de um infarto fulminante. Ao falar o nome da atual esposa, comentou também, católico praticante e devoto de Nossa Senhora que é, as coincidências de Marias, na família: “Minha primeira sogra foi Maria Mariano, a minha primeira esposa, Maria Aparecida Mariano de Oliveira. A minha segunda sogra, que infelizmente a gente não conviveu muito porque ela faleceu antes de nós casarmos, Maria Madalena Rodrigues, e a minha esposa, Maria Aparecida Rodrigues de Oliveira”.

 

AS CONQUISTAS PARA O BAIRRO E A QUADRA NA PRIMEIRA VERSÃO

Há poucos dias, a reinauguração da quadra do bairro, que ficou excepcional, mas o início foi diferente: A inauguração deu-se apenas com o alambrado e o piso, e o prefeito da época, Carlos Hugo, lá estava presente. 

Gratidão dele é direcionada também à radialista Fátima Ribeiro, vereadora na época. Explicou que 80% das reivindicações foram conseguidas com o prefeito, e o que não era possível, foi com a Fátima, como asfaltamento, calçamento entre outras.

Ao se brincar com o nome do bairro devido à proximidade com o cemitério São Marcos, onde alguns piadistas chamam de Pé na Cova, disse que não é só Cem Casas é que objeto de brincadeira, relembrando também o Xingú, apelido dado ao bairro Jardim Alegre. Nesse momento, citou Silvestre Solak: “Falou em Habitação em Telêmaco Borba, tem que falar com Solak!”.

Detalhou o que hoje é Cem Casas e Nossa Senhora de Fátima. Também que as casas do BNH (Banco Nacional de Habitação) foram conseguidas diretamente por Solak e pelo padre Jackson (CSSR), “que foram para o Rio de Janeiro. E a casas das Cem, naquele tempo, era o Serviço Nacional de Habitação”.

A Escola das Cem Casas é um motivo de orgulho pra ele. Citou que foi até o prefeito na época, pediu que essa fosse reformada. Um ofício, porque as coisas naqueles tempos eram mais fáceis, e o chefe do Executivo chamou o engenheiro e decidiu nada de reforma, e sim, a construção de uma nova escola: “E olha a escolinha que temos!”, referindo-se à grande referência do bairro que é a Conselheiro Zacarias.

 

OLHAR DA GESTÃO AOS PRESIDENTES DAS ASSOCIAÇÕES, ATUALMENTE!

No quesito olhar com respeito e carinho aos presidentes de associações, perguntado pelo Oberekando quanto ao prefeito atual, Dr. Márcio, Anibal responde: “Dr. Márcio parece uma sombra do Seu Carlos, porque ele vê a necessidade da comunidade. Diferente você ser um prefeito para ajudar aqueles que necessitam: A prioridade! Porque os prefeitos de hoje, a gente sabe, é complicado, porque tem as leis que proíbem eles de fazer muita coisa que eles queriam fazer! Naquela época era diferente!”. Acrescentou: “Também é um prefeito que está assentando as prioridades, nas comunidades. A gente vê tanto asfalto, tantas ruas bem arrumadas por ai, então estamos de parabéns!”.

A entrevista foi encerrada com uma saudação dos atletas do Arena Futsal, aos seus pais! Isso foi possível, porque coincidiu que a equipe lá estivesse treinando! O carinho do site, a todas as equipes, indistintamente!

 

NOTA DO EDITOR:

 d

Quando filhos já não possuem seus pais, o carinho todo fica depositado aos irmãos, e com este sentimento de pai: Assim, meu amor aqui declarado à minha irmã Edivane, que nunca se distanciou deles, e que hoje, é Mãe e Pai também de Flavia e Felipe. Também a Jairo e Jair, gêmeos e irmãos hoje mais velhos, e a Paulo Roberto Oberek! Carinho aos meus tios, Valdomiro e Joraci, residentes em Castro!