ONLINE
24




Partilhe esta Página

DFF

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

D

S

C

S

S

AWEF

z

S 

D


CATTO ABORDA A PANDEMIA E O FIM DE ANO
CATTO ABORDA A PANDEMIA E O FIM DE ANO

Outros temas foram trazidos pelo secretário

 s

2021-11-16 às 15:18:13) Recebeu o Oberekando para uma conversa nesta manhã, Anderson Catto, secretário municipal de Saúde de Telêmaco Borba. Além do reconhecimento ao esforço de cada profissional da área, outros temas, como liberdade de trabalho dada pelo prefeito Márcio, e as expectativas do final de ano que se aproxima em referência aos cuidados contra a Covid foram explanados. As cirurgias eletivas foi também tema.

“Quero agradecer a cada profissional de Saúde. Tivemos dias muito difíceis. Cerca de 120 dias foram terríveis para todos os profissionais da Saúde, independente do grau de instrução, ou de locação deste profissional. Muitas vidas foram ceifadas, infelizmente, e eu só tenho a agradecer a cada um desses profissionais. Nos momentos difíceis eles estavam ali! Eles estão ali! São a ponta de um conjunto todo, que é a Secretaria. A Secretaria não é feita só com um gestor, mas sim, com todos os profissionais”.

A saúde das pessoas não deu pausa, durante a pandemia, e os cuidados não pararam: “Nós não temos só Covid. As outras doenças continuam acontecendo, os traumas continuam acontecendo, e, por exemplo, as gestantes tendo seus bebês! Então a Saúde, a rotina... não para”, atendendo dentro das respectivas áreas.

“Há mais de 25 anos sou formado, e confesso, nunca imaginei passar por um cenário como passei. Realmente chocante as imagens. Sinto pelas vidas perdidas. Me comovo pelos familiares, mas a gente tem que manter as medidas ainda e não podemos abaixar a guarda”.

 

CIRURGIAS ELETIVAS

A economia feita pelos vereadores possibilitou que fosse retornado à Saúde, montante para as cirurgias eletivas. Essas, lembrou o entrevistado, são de responsabilidade do Estado. Entre esse ano, e ano que vem, uma considerável parcela, que ultrapassará 4 milhões de reais, envolvendo as de média e baixa complexidade. Houve o processo burocrático para acertar isso, depois da aprovação pela Câmara, aonde Anderson, inclusive, fez questão de agradecer aos vereadores todos, em nome do presidente, Hamilton Machado.

Essas, devem começar a serem feitas em dezembro. 

 

ORÇAMENTO DEVE ULTRAPASSAR 26%, DOS 15 PRECONIZADOS

A liberdade de trabalho dada pelo prefeito Márcio, foi outro ponto citado, e também informou que o que foi necessário ser aplicado na Saúde, financeiramente, para suprir a demanda, foi feito: “Às vezes as pessoas não sabem, mas a Saúde tem por obrigação gastar 15% *do orçamento e nós vamos praticamente duplicar! O prefeito duplicou o recurso para a Saúde, praticamente, e isso têm reflexos de imediato!”

 

SOLICITAR EXAMES NECESSÁRIOS, E RESGATÁ-LOS APÓS PRONTOS

Um problema não só de Telêmaco, mas Brasil afora, são aquelas ocasiões em que se ‘até exige do médico’ que prescreva algum exame, mas depois dele pronto, jamais ir atrás do resultado. Disse o secretário que esta questão está anemizada, mas que ainda acontece. O que se tem buscado pela SMS, são que os laboratórios enviem os mesmos, diretos para as UBS, e no caso, esses, sejam automaticamente, inclusos no prontuário informatizado, de cada paciente. Esta automatização, está sendo feita de forma gradual, tal qual, a adesão dos laboratórios credenciados com o Município.

 

FINAL DE ANO, MAS SEM BAIXAR A GUARDA!

Perguntado a ele de como espera o final de ano, relembrou que sempre que há um feriado, os números acabam aumentando em termos de positivados, de 12 a 15 dias após. Disse também: “A gente imagina que vai ser um final de ano mais tranquilo, mas reforço novamente, que por enquanto, a gente não pode baixar a guarda”. Deseja-se a todos, estarem juntos aos familiares, se confraternizando, mas ainda, de forma cautelosa, lembra ele.

--

D