ONLINE
9




Partilhe esta Página

sr

DFF

d

ACITEL

s

sr

a

A

S

D

S

C

D

S

s  

D

 

MDA

A

AGÊNCIA ESTADUAL DE NOTÍCIAS


Arena Futsal e Batista Betel vão à Paranhos (MS)
Arena Futsal e Batista Betel vão à Paranhos (MS)

Projeto esportivo, social e espiritual envolverá aquela comunidade

x

2019-06-14 às 17:20:54) O projeto Escolinha de Futsal, coordenado por Sérgio Adriane Lopes, mais conhecido por Gaúcho, com a equipe Arena Sub13, Pablo Ricardo Almeida e a preletora e cantora Adaléia Cristina de Campos Nava, ambos da Igreja Batista Betel, todos de Telêmaco Borba, estarão na cidade de Paranhos, no Mato Grosso do Sul, num dia de muita alegria, esporte, ação social e da Palavra de Deus. Eles falaram ao Oberekando na noite de ontem, sobre o evento e da importância do Esporte, solidariedade e da Palavra na vida de todos. A viagem está marcada para dia 12 a noite, com evento dia 13 e chegada de volta a Telêmaco, dia 14 de julho.

Pablo ressaltou o trabalho e dedicação do “professor Sérgio”, acrescentando que não é qualquer pessoa que “doa seu tempo, para estar abençoando crianças, para estar abençoando vidas”.

f

Segundo ele, que foi o contato de Telêmaco, que conseguiu este intercâmbio, tratar-se-á em Paranhos “de um projeto aonde a gente vai incluir o trabalho do professor Sérgio, junto com o trabalho de ação social que é abençoar vidas. Nosso objetivo é abençoar mais de 100 famílias, levar mais de mil peças de roupas e mais de 400 pares de tênis. Levar alimentos, levar alegria e um alento”. Será unido o esporte com a palavra de Deus, disse ele.

f

Adaléia, falou que não é somente o esporte, e sim também, levar a Palavra do Senhor àquela comunidade, àquelas pessoas, as crianças, aos pais, e também fazer um trabalho missionário. Ela, que já canta desde os 19 anos, estará louvando e levando a Palavra. “Já é um projeto maravilhoso, como o Pablo falou, de inclusão social, e apresentando a essas crianças, uma oportunidade, porque não dizer, assim como comentei com os meninos, é apresentar o adorável mundo novo, porque a criança trabalha com perspectiva”. Completou ela, que toda criança que faz esporte trabalha com isso quando na disputa de torneios, de sair pra fora, como é a chance que terão nesta viagem.

Serginho informou que o convite surgiu de Pablo, que tem parentes no Mato Grosso, e que havia o desejo da cidade da presença deles, com as crianças. Para isso, uniu-se a força do social, da Palavra e do esporte, e reuniram-se com os pais dos atletas. Dos patrocinadores, ninguém se negou ao ser visitado, a ajudar, e fica o agradecimento já registrado.

 

AGRADECIMENTOS:

Além de exaltar o voluntarismo de Sérgio, onde por vezes já viu ele tirar do próprio bolso para abençoar alguma criança, Pablo também falou de Adaléia, com muitos compromissos com igrejas aonde vai louvar e também pregar. Acrescentou especialmente dos pais, a confiança no projeto, e que estão se disponibilizando a ir ao Mato Grosso do Sul.

Pablo agradeceu ao prefeito de Paranhos, Dirceu Bettoni, ao seu vice, Dr. Luciano Rodrigues, ao secretário de Governo, Aldinar Ramos Dias (Dinho), secretário de Esportes, Uanderson Barbosa, ao secretário de Agricultura, Paulo Maykel Rodrigues, bem como a primeira-dama, Elaine Bettoni.

x x

xd d

Um adendo aqui, foi o convite ao site Oberekando para cobrir o evento. Assim como na Ginástica por vezes, no Grupo de Teatro Atitude, é uma alegria quando se está incluso numa agenda externa.

Como se trata de um projeto que também terá evangelização, foi perguntado a Adaléia, a importância de uma cidade que louva a Deus e tem Deus como centro, especialmente referindo-se em Telêmaco, à Praça da Família, hoje tão usada para ações como essas, também. Ela falou de “a quem honra: honra!”, exaltando o trabalho do Sérgio, que doa do seu tempo livre e abdica –se voluntariamente.

Hoje são cerca de 70 crianças em duas equipes: O Sonic Futsal, de 06 a 10 anos, e Arena Futsal, de 10 a 14 anos. Com grande carinho ao esporte e claro, as suas crianças atletas, não deixou Gaúcho, de expressar a alegria por cada ano estarem se superando mais nas competições que participam: “É atleta para a seleção de Telêmaco, é atleta ganhando bolsas”, disse, feliz. “Pode até no futuro não ser um jogador, mas um cidadão diferenciado!”.

d

Ao final da entrevista, cada um deles, citou e agradeceu seus familiares, que possibilitam e entendem deles, essa prestação de serviço comunitário e voluntário. Uma lembrança especial foi de Lorena, filha de Sérgio, que se dedica muito ao futsal, e especialmente aos mais pequenos. Até mesmo seu sonho inicial pelo curso de Direito, ela abriu mão, pela paixão ao esporte, sendo hoje acadêmica de Educação Física. “Ela se doa muito! Ela é uma menina de 18 anos, com coração de 11. Uma pessoa sem maldade e com uma essência top!”, relembrando como ela ama atuar com os atletas, comentou Pablo.

Pablo citou Fabiana a esposa, e os filhos Marcos, Kauan e Lucas. Adaléia, o esposo Reginaldo, aos filhos João Vitor, Isa, Davi, e Diego. Sérginho lembrou da esposa Elaine, da filha já citada Lorena, e do também atleta assim como são os filhos de Pablo, Níckolas. “Devo muito à Lorena. Ela tem caminhado comigo desde 2015”.  Concluiu Sérgio: “Se uma família já é alicerce, imagina todas juntas, num só objetivo!”.