ONLINE
10




Partilhe esta Página

S

DFF

d

ACITEL

s

sr

D

S

C

sd

S

S

AWEF

S 

D


14 casos de dengue em Telêmaco Borba
14 casos de dengue em Telêmaco Borba

Alto das Oliveiras, BHN, Cem Casas e nos bairros Socomin, Jardim Itália, Casa Bella, Área 03 e Área 04

FONTE: PMTB

2022-04-08 às 07:46:32) A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que foram registrados 14 casos positivos de dengue em Telêmaco Borba neste ano e reforça a importância dos cuidados para combate à dengue em casa e no trabalho.

Segundo dados da SMS foram registrados cinco casos no bairro Alto das Oliveiras, dois no BHN, dois nas Cem Casas e os bairros Socomin, Jardim Itália, Casa Bella, Área 03 e Área 04, registraram um caso, cada.

Inclusive imóveis foram visitados e orientados sobre o alerta de dengue, no Alto das Oliveiras, de maneira especial nas ruas Guatemala, Canadá e Sírio de Castro Ribas, onde foram registrados cinco casos positivos de dengue.

Foram procurados focos, realizado orientações e notificações. O trabalho foi realizado de forma pontual por 23 agentes endemias e quatro agentes comunitárias de saúde, do local.

A Saúde explica que é por meio da picada de mosquitos Aedes, os mesmos responsáveis pela transmissão da chikungunya, febre amarela e Zika.

Daí vem a importância dos cuidados com a Dengue, uma vez que os mosquitos Aedes se proliferam em focos de água armazenada. Os principais focos de água parada, como frascos plásticos, galões, pneus, vasos de plantas, recipientes de todos os tamanhos como tampinhas de garrafa ou mesmo sacolas plásticas, são o ambiente perfeito para a fêmea depositar seus ovos.

 

CUIDADOS COM A DENGUE: COMO EVITAR CONTAMINAÇÃO?

Os primeiros cuidados que devemos ter para reduzir os locais de proliferação do mosquito e evitar a Dengue são:

– tampar lixeiras;

– tampar tonéis e caixas d’água;

– manter as calhas sempre limpas;

– limpar ralos e colocar telas;

– deixar garrafas e recipientes com a boca para baixo;

– preencher os pratos de vasos de plantas com areia;

– manter lonas para materiais de construção e piscinas sempre esticadas para não acumular água.

 

QUAIS SÃO OS SINTOMAS MAIS COMUNS DA DENGUE?

Febre alta, maior que 38.5ºC

Dores musculares intensas

Dor ao movimentar os olhos

Mal estar

Falta de apetite

Dor de cabeça

Manchas vermelhas no corpo

 

COMO DIAGNOSTICAR A DENGUE?

O diagnóstico é realizado através de exames de sangue, notando a presença de anticorpos contra o vírus no sangue. O problema é que o exame não especifica o tipo de vírus que é responsável pela infecção. Mas já existem métodos de biologia molecular mais elaborados que podem ser utilizados para detectar as proteínas do vírus.

 

QUAL O TRATAMENTO E CUIDADOS COM A DENGUE QUANDO UMA PESSOA ESTÁ INFECTADA?

Se a pessoa apresentar os sintomas mais comuns, será preciso procurar tratamento médico. Assim será possível confirmar o diagnóstico e estabelecer rotinas para acompanhar a doença em relação à possibilidade de aumentar a gravidade.

No tratamento, estão incluídos medicamentos e muita hidratação oral (água, soro caseiro, água de coco) ou, dependendo da gravidade, por via venosa. Tudo isso sempre com orientação médica.

 

CUIDADOS COM A DENGUE: COMO PREVENIR?

Os principais cuidados com a Dengue para se prevenir é combater os focos de acúmulo de água. Então, sem dúvidas, a melhor maneira é evitar ao máximo o acúmulo de água parada nos mais diversos tipos de recipientes.

Como se trata de uma doença que é transmitida pela picada de um mosquito, dificilmente as pessoas percebem quando acontece a transmissão.

Outro fator que pode ajudar na prevenção é o uso de repelentes, mas sem nenhuma comprovação científica da eficácia nos cuidados contra a Dengue.

Inclusive a Saúde disponibilizou um questionário para que as pessoas possam ver se tem possíveis foco de dengue em sua casa ou trabalho. Confira abaixo: